1- No-Break Standby (off-line)
Quando a energia está disponível ela passa pelos circuito de filtragem e estabilização disponibilizando uma energia "limpa" na saída. Ao mesmo tempo o carregador está ativo e carregando a bateria, porém o inversor está desligado. Quando há falta da energia o inversor é ativado e passa a alimentar a saída. Tempo de transferência: de 4 a 8ms.

2- No-Break Linha-Interativa (Line Interactive)
Quando a energia está disponível ela passa pelos circuitos de filtragem, inversão e estabilização disponibilizando uma energia "limpa" na saída. Nesse momento a bateria está sendo carregada pelo inversor, que fica sempre ativo. Quando há falta da energia o inversor inverte o sentido de operação e passa a alimentar a saída. Tempo de transferência: de 2 a 4ms.

3- No-Break On-Line Simples Conversão ( Senoidal Puro )
Quando a energia está disponível ela passa pelos circuito de filtragem e inversor. O inversor carrega a bateria e utiliza a energia da bateria para disponibilizar uma energia "limpa" na saída. Quando há falta da energia o inversor simplesmente mantém a alimentação da saída ativa via bateria. Tempo de transferência: Zero

4- No-Break On-Line Dupla Conversão
O retificador esta permanentemente alimentando a bateria, que alimenta o inversor. O conjunto bateria/inversor é responsável pela alimentação da saída. Quando há falta de energia o conjunto bateria/inversor continua a fornecer energia independente da entrada. Tempo de transferência: Zero
"Então da próxima vez que for indicar ou escolher um no-break, pense qual nível de confiabilidade você ou seu cliente requer. Não é lógico pensar num usuário doméstico, comum, com um no-break dupla conversão ou, o contrário, um servidor rodando uma aplicação crítica com um no-break off-line"